• Carol Ribeiro

Uruguai: Casa Pueblo + Piriápolis

Continuando nosso passeio pelas terras uruguaias, hoje vamos ver um pouco dos arredores de Montevidéu. Saindo da capital com destino à Punta del Este, passamos por Piriápolis e Punta Ballena.


Como não tirei muitas fotos nessa última viagem, vou misturar algumas fotos de viagens anteriores; por isso, não se espantem se surgir alguma foto na qual estou com roupa e cabelo diferente, mas na mesma paisagem! O importante é conhecer os lugares e sacar as dicas, né não?!


Piriápolis é uma cidade-balneário com lindas praias, um Cerro onde fica a bela Capela de Santo Antônio, com uma linda vista da região e também onde está localizado o terceiro maior Cerro do Uruguai, o Pan de Azúcar.





A Virgem dos pescadores - subida para a Capela de Santo Antônio

Vista da Capela de Santo Antônio - o Cerro Pan de Azúcar fica no topo da montanha à direita

Fiquei curiosa para conhecer o Cerro Pan de Azúcar. Vi a cruz no alto, mas achei que seria só isso (uma cruz no alto da montanha); imagina a minha surpresa quando cheguei em casa, pesquisei mais e descobri que existe uma escada em caracol dentro da cruz, de onde se tem uma vista incrível.


Nossa passagem por lá foi bem rápida (porque faríamos um passeio a Punta del Este no mesmo dia), passamos apenas pela Capela Santo Antônio - além de rodar um pouco de carro pela região. Ao lado da Capela tem uma lojinha de presentes com muitas opções de lembranças e artigos de decoração.


Revirando a internet, achei muita coisa legal para fazer e visitar, mas infelizmente a gente precisa escolher porque os dias são limitados e nas férias parece que o tempo VOA, não deu pra explorar muito o lugar. Tem dicas legais AQUI, se for passear pela região, vale a pena uma visita a Piriápolis.


Seguindo o caminho de Punta del Este chegamos à Casapueblo, localizada em Punta Ballena. Além da arquitetura que, por si só é um espetáculo à parte, possui hotel, restaurante e museu, além de uma história bem interessante!


Fica nos braços de um montanha e é banhada pelas águas profundamente azuis do mar. Vista de cima, tem o formato semelhante ao mapa do Brasil. Dizem que o pôr do sol visto de lá é espetacular.



A casa pertenceu à Carlos Paez Vilaró, artista plástico nascido em Montevidéu que percorreu o mundo pintando, esculpindo e criando. Retornou na década de 40 e essa casa é sua obra de arte mais famosa.


Isso mesmo! Ele construiu a casa, sem moldes ou estruturas, seguindo apenas a vontade e a imaginação. Utilizando cimento e cal, estruturada com um tipo de tela e madeira, o próprio artista pintou e esculpiu toda casa à mão - com ajuda de moradores locais. Vilaró chamava sua casa de "escultura habitável".


Conta-se que essa casa teria inspirado Vinícius de Morais a escreve a famosa música A CASA (era uma casa muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada...)



Os visitantes podem ter acesso ao restaurante, chamado Las Terrazas (Os Terraços), que segue o estilo da construção original e oferece diversos pratos num variado cardápio internacional. A construção abriga também um museu que já recebeu importantes personalidades do mundo político e cultural. O local não possui infraestrutura para portadores de dificiência e pessoas com dificultada de locomoção; possui uma grande quantidade de escadas, sem corrimão.


O hotel é muito procurado por casais (inclusive com pacotes para lua-de-mel) e pessoas em busca de sossego. Caso queira se hospedar nesse lugar maravilhoso (eu fiquei com vontade), veja o site AQUI. Se visitar Montevidéu, não deixe de passar por ali, fica bem perto e dá para fazer isso em parte da manhã ou da tarde - lembrando que se estiver de carro, vale a pena esperar o pôr do sol.


Espero que tenham gostado desse Diário. Se tiver alguma dúvida, fique à vontade para perguntar. Até mais!!!

13 visualizações